segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Cá se fazem cá se pagam.

Apaguei todas as pessoas negativas do meu caminho. Ponto final em situações mal resolvidas...Deus te dê no  dobro, tudo aquilo que me desejas. Não há mal que sempre dure, nem bem que nunca acabe...Quem me tem feito muito mal, não irá ter de esperar muito, porque o seu dia está a chegar... 
Deus  tarda mas não falha, tudo se paga neste mundo...
Quem me quer mal e me tem feito mal, verá o dia dela a chegar.
Sou escorpião "Olho por olho, dente por dente "...
É-me impossível perdoar a ingratidão...
Tu! sabes que me tens feito muito mal...

domingo, 23 de dezembro de 2012

Boas festas.




O Natal começou no coração de Deus. Só está completo quando alcançar o coração do homem.




Fatia dourada. com ovos moles e doce de amora.Feita agora mesmo.


domingo, 16 de dezembro de 2012

Verdade incómoda.

Ninguém consegue esquecer,um amor, uma amizade, ou um parente... Muitas pessoas afastam-se, mas não acredito que esqueçam...Se não for por mais, será pelo remorço que lhe corroe a alma ou, pela covardia da falta de coragem para  encarar de novo, aquele que abandonou...
Não existe pecado maior, nem crime maior, do que abandonar aqueles já fizeram tudo por nós...

domingo, 9 de dezembro de 2012

Lamentavelmente é verdade.

                                  Joãozinho



Mediante todos os acontecimentos recentes fica difícil pensarmos em festas de final de ano e até a de Natal... Está  a faltar fé ... Está faltar amor... Está faltar perdão... Esta a faltar algo que nos ajude a acreditar de novo... Que cada um de nós possa fazer algo de bom para com todos aqueles que estão a sofrer muito... Falarmos com os nossos amigos ajuda muito... Devemos no lugar de cartões de boas festas, tentar saber como e com quem iram passar o Natal.Não é tempo, nem sobra tempo, para zangas ou quesílias... Só Deus nos pode ajudar a fazer transformações positivas na nossa vida. Estamos quase todos a passar por momentos muito difíceis.Precisamos muito de contar com ajuda uns dos outros, mesmo uma conversa  de apoio e conforto significa muito. Todos nós precisamos de pensamentos positivos  e de força, muita força....
Não vires a cara a um vizinho,  um conhecido, um amigo, ou a um famíliar...
É altura para unirmos as mãos. Juntos, doi menos...
É bom que as pessoas no dia de Natal, olhem para a sua mesa e tenham a consciência, que existem  muitos milhares sem praticamente nada na mesa. Esses estaram escondidos em casa, com vergonha de não ter nada...

domingo, 25 de novembro de 2012

Só sei que nada sei...

 Na vida, na política e no amor, só sei que nada sei... Porém, aceito as decisões...
Para quê contestar, o que outros já decidiram?
Não fico contudo amargurada ou até ressabiada...

Crepe com doce de abóbora .

A vida é tão curta, para me perder a divagar sobre o que não depende de mim ...
Cada dia é um dia que vale por si só...
Uso para mim a sina da água, apesar dos obstáculos, segue sempre imperiosa e sintilante.
Beijinhos

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Coração leva a alma cativa .


Um coração feliz é um coração radiante; onde seus batimentos são como uma dança de movimentos acentuados; executados com uma sinfonia maravilhosa; na confiança dos agentes.Tudo trabalha harmoniosamente em plena vibração; dando à cada sequência uma doce melodia. Coração leva a alma cativa , corpo e pensamento.



domingo, 16 de setembro de 2012

A Queda...

Muitos são os analistas políticos e membros de diversas áreas políticas que gostariam de ver a queda deste governo, mas meus caros amigos gostaria de vos fazer uma pequena pergunta, todos nós devemos antes de nos manifestar-mos pensar como chegamos até aqui? Durante doze anos tivemos um estado gastador, um estado que segundo a oposição protegeu o estado social, protegeu tanto que gastou dinheiro a mais com todos os portugueses, criando a ideia de que não precisariam trabalhar, porque o estado lhes pagaria um ordenado para ficar em casa, o nosso estado não soube estar á altura do desenvolvimento económico, tanto que não soube que pagou aos agricultores, para não trabalharem, pagou aos empresários chorosas indemnizações para saírem de Portugal, os bancos facilitaram os créditos sem controlo a todos os cidadãos, e hoje a culpa é deste governo, governo este que tem lutado por tentar levantar o nosso País da banca rota em que se encontrava instalado.


Muitas são as classes partidárias, sindicatos, população que estão a pedir a queda deste governo, mas é necessário que todos nós pensemos e a solução?

Irão os portugueses votar num partido político, que deixou Portugal na banca rota, irão os portugueses entregar o poder a um dirigente político que esteve conotado com as políticas tomadas pela anterior direcção do partido socialista? É caso para todos nós também nos perguntar-mos é uma verdade que o nosso País está mal, mas também é verdade que o partido socialista já foi desafiado pelo nosso governo para apresentar soluções e eles ficaram calados, sabem porque? Porque não há outro caminho, o outro caminho desastroso que poderá existir é a “Banca Rota” que o Partido Socialista nos quer encaminhar para depois culpabilizar este governo pela forma desastrosa como encaminhou este País. Mas como seria Portugal se não se tivesse chamado o FMI a intervir em Portugal?

Seria um autêntico desastre nacional, não haveria emprego, não haveria empresas, não haveria dinheiro, a taxa de imigração duplicaria e Portugal não se levantaria tão cedo.

É bem verdade que os portugueses não se sentem confortáveis com a situação em que o País se encontra, mas como se sentirão os nossos governantes por não conseguirem arranjar uma outra solução que não seja esta? Não há nenhum Primeiro-Ministro ou político em Portugal que goste de governar impondo medidas anti-populares, mas o que é certo é que não há outras soluções á vista.

Meus caros leitores este comentário é feito com coração, muitas vezes chego a pensar que talvez seria melhor o nosso governo provocar a sua queda, para renascer de novo com uma outra força politica, ou seja, como o nome da manifestação foi "que se lixe a Troika", que essa mesma troika deveria fazer a vontade ao povo e pura e simplesmente saísse de Portugal, que o Euro-grupo, retivesse a 6ª tranche, pelo menos até ao natal. Ai queria ver o povo na rua, mas dessa vez a pedir que o governo sucessor que supostamente é o Partido Socialista que faliu o nosso País que lhes pagasse os vencimentos, caso dos Funcionários Públicos, médicos, enfermeiros e professores. O que iria suceder de imediato era este puro cenário os transportes parariam, por falta de dinheiro, etc..., e depois que viessem para a rua protestar, porque nos nossos hospitais, não haveria medicamentos para os doentes, as cantinas escolares estariam paradas, por falta de dinheiro, os reformados e pensionistas, sem as suas prestações, os desempregados, sem o seu subsidio, ETC, ETC. .Para mim neste momento, os portugueses precisavam que isso acontecesse, para se aperceberem, das reais condições actuais do País. Por vezes e necessário provar do veneno, para depois dar importância á cura.



E que dizem a isto...talvez queiram que aconteça !!!!!

 Da qui da net

sábado, 11 de agosto de 2012

Amar dá-me um medo danado!

Tu sabes. Acho que sempre soubes-te. Que eu tinha medo de amar alguém, de me envolver, de me mostrar sem disfarces. Amar dá um medo danado! De perder a liberdade, a identidade, de me magoar, de não saber controlar-me, de  perder,do depois de …


Mas eu sou forte eu consegui.



domingo, 5 de agosto de 2012

Sim...

''Purifica o teu coração antes de permitires que o amor entre nele, pois até o mel mais doce azeda num recipiente sujo"

Há claro que sim!

Há quem guarde maus sentimentos como se fossem tesouros;


Sem perceber que pérolas de rancor e mágoa nada adornam

Apenas lhe deixa a vida e a alma mais amarga.

Livra-te dessas pérolas de rancor e mágoa

É o  tesouro que ninguém suporta...



domingo, 22 de julho de 2012

Para os que se amam é sempre um até já...

Dor
Mágoa
de saudade...
...
Memória
Recordação
de tal felicidade...

Vazio inóspito, sentimento que nos envolve lânguidamente...na efemeridade do dia a dia amamos a particularidade do que nos rodeia quase sem o sabermos, e somos consumidos pela sua ausência na hora da despedida!
Mas qual fénix retumbante que emerge das chamas do passado, também a doce recompensa da tua presença ressurgirá na presença de um novo dia...
Até já.

sábado, 7 de julho de 2012

Acreditar...

É assim que eu penso. Vem desta mentalidade a minha força...

A nossa força interior tem raízes em Deus e, Deus é infinito, a nossa força não tem limites. Quanto mais a usar-mos, mais ela cresce. Basta um pensamento positivo e de confiança em nós…Precisamos de nos envaidecer, não nos devemos humilhar…Nós somos fortes, somos grandes…
Deus dá a carga, consuante a nossa força…Se a carga que nos deu é pesada, foi porque
Ele confiou na nossa força.
Precisamos apenas de confiar no nosso trabalho, confiar e acreditar…
Por muito dura que seja a vida, nós somos mais fortes! Se lutarmos, conseguimos resistimos a tudo…
Rir dos nossos problemas é aprender a viver com eles é aceitá-los...
Ninguém é melhor ou superior a ninguém, podemos ter apenas mentalidades diferentes, e reagir de forma diferente...
Graças a Deus que me foi dado o dom de aceitar e  saber viver com mentalidades diferentes da minha...


Quem acredita, nem as tempestades o páram...

domingo, 1 de julho de 2012

domingo, 24 de junho de 2012

sábado, 16 de junho de 2012

O meu desejo...

Que o sussurrar do vento te leve um beijo, carinhoso  e terno. Que deixe ficar o sabor dos meus lábios  no teu pensamento, para que a distância nunca apague em ti,  a minha existência...
Para sempre. :(




domingo, 20 de maio de 2012

Olá! Que saudades...







Cá vai uma receita para encantar a família...

Bacalhau confitado com molho de gengibre...

Modo de confecção

1.Numa caçarola, refogue a cebola, o alho, o pimento e os tomates no azeite e no óleo de palma. Junte o bacalhau e tempere com a malagueta e o gengibre. Adicione o vinho branco e deixe ferver e junte o leite de coco, o leite e deixe em lume brando até cozinhar o bacalhau. Rectifique o tempero.



2.Retire o bacalhau e reserve em local quente. Coe o molho do bacalhau por um passador fino e leve ao lume a reduzir um pouco.



3.Pique a cebola, os alhos e a salsa e junte à batata, acrescente o bacalhau e os ovos e envolva tudo, tempere com sal e pimenta.



4.Monte o bacalhau nos pratos, com um quarto de cebola grelhado, uma malagueta grelhada e duas batatas cozidas com pele. Regue com o molho e polvilhe com cebolinho picado.



quarta-feira, 4 de abril de 2012

Boa Páscoa ...

Não importa o que as outras pessoas falem de mim, o importante é que eu continuo a ser a pessoa que sempre fui, se mudasse! Deixaria de ser Eu. O único homem que nunca comete erros é aquele que nunca faz coisa nenhuma. Não tenha medo de errar, porque aprenderei a não cometer duas vezes o mesmo erro. "Apenas os idiotas não se contradizem."

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Aqueles que se apaixonam sozinhos.

Comprovei que tudo que já foi escrito sobre o amor é verdade. Shakespeare disse: "as buscas terminam com o encontro dos apaixonados". Que idéia maravilhosa!! Pessoalmente, eu nunca passei por nada parecido com isso. MAs estou convencida de que Shekespeare já. Suponho que penso no amor mais do que deveria; admira-me o grande poder do amor em alterar e definir as nossas vidas. Shekespeare também disse que o amor é cego. Isso sei que é verdade. Para alguns, sem explicação, o amor apaga-se. Para outros o amor vai-se ... ou brota quando menos se espera, mesmo que seja só por uma noite. No entanto, existe outro tipo de amor. O mais cruel... aquele que quase mata as suas vítimas. Chama-se "amor não correspondido". E nesse tipo, sou experiente. A maioria das histórias de amor falam das pessoas que se amam mutuamente. Mas, o que acontece com os demais? E as nossas histórias? Aqueles que se apaixonam sozinhos? Somos vítimas de uma relação unilateral. Somos os amaldiçoados dos amantes, somos os não amados. Os mortos vivos, os deficientes sem estacionamento reservado..."

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Sabiam desta!!!

Segundo a Academia Portuguesa de Letras, "CARALHO" é a palavra com que se denominava a pequena cesta que se encontrava no alto dos mastros das caravelas, de onde os vigias prescrutavam o horizonte em busca de sinais de terra. O CARALHO, dada a sua situação numa área de muita instabilidade (no alto do mastro) era onde se manifestava com maior intensidade o rolamento ou movimento lateral de um barco. Também era considerado um lugar de "castigo" para aqueles marinheiros que cometiam alguma infração a bordo. O castigado era enviado para cumprir horas e até dias inteiros no CARALHO e quando descia ficava tão enjoado que se mantinha tranquilo por um bom par de dias. Daí surgiu a expressão: "Mandar pró caralho"

domingo, 15 de janeiro de 2012

Hoje tinha de postar esta notícia, sou Bracarense !

Portugueses destacam-se na maior feira de tecnologia do mundo Novidade portuguesa apresentada em Las Vegas ao lado de gigantes como a Sony, Nokia e Panasonic Portugal está representado na maior feira de tecnologia do mundo. Esta terça-feira arrancou a Consumer Electronics Show 2012 (CES), em Las Vegas, nos Estados Unidos da América e a empresa bracarense, Areal-Media, é a única representante portuguesa na exposição. Até ao dia 13 de Janeiro a CES mostra ao mundo as últimas novidades tecnológicas do planeta incluindo a inovação portuguesa. A partir de Las Vegas, onde está em representação do produto, Pedro Veloso, fundador da Areal-Media, de desenvolvimento de software, explicou à Agência Financeira que o ADigital Book é um software de paginação para amadores - concebido para a criação de produtos digitais personalizados: álbuns, calendários, tapetes de rato. A estratégia da empresa, fundada em 2004, passa pela internacionalização pelo que em Portugal tem apenas um cliente: «como trabalhamos para um nicho de mercado muito restrito, compensa apostar nos internacionais». Desde 2009, quando começou a angariar investidores além-fronteiras, Pedro Veloso tem como principais compradores, hoje em dia, empresas chilenas, brasileiras e algumas europeias. O mercado da América Latina é, por excelência, a aposta desta empresa cujo lema podia ser «criar cá dentro e vender lá fora». Gigantes da tecnologia apresentam futuro na «cidade do pecado» Entre os maiores destaques desta feira - que se realizou pela primeira vez há 45 anos em Nova Iorque - estão as televisões de alta definição com ligação à Internet e que aparecem pelas mãos das marcas Sony, Panasonic, Sharp e LG. Já a gigante dos telemóveis, a Nokia, surge com novos aparelhos munidos com a mais recente versão do Windows, da Microsoft. Outra das novidades tecnológicas de consumo, presentes no evento, é o Ultrabook, um novo género de computador portátil que surgiu o ano passado, sob a responsabilidade da Intel. Desde o seu lançamento que este equipamento cativou uma legião de fãs, atraídos pelo design «super leve». De acordo com a Reuters, a vasta oferta de equipamentos para smartphones e tablets compõem outra grande parte da exposição. A feira prolonga-se até à próxima sexta-feira, num espaço que espera receber cerca de 140 mil visitantes profissionais. Até hoje, a CES foi responsável pela apresentação das cassetes de vídeo, câmaras de filmar com gravador integrado, o DVD, a HDTV, entre outras inovações. Bracarenses na sua simplicidade sem exibicionismo de grandeza... Força Braga, somos os Guerreiros do Minho...

domingo, 8 de janeiro de 2012

O ser humano não é programável


O desenvolvimento humano não é linear, é feito de ordem e desordem. (...) O ser humano não é programável. Se não fizermos erros, nunca saberemos o que é certo"
As Nossas Dependências Coisas há que dependem de nós - e outras há que de nós não dependem. O que depende de nós são os nossos juízos, as nossas tendências, os nossos desejos, as nossas aversões: numa palavra, todos os actos e obras do nosso foro íntimo. O que de nós não depende é o nosso corpo, a riqueza, a celebridade, o poder; enfim, todas as obras e actos que de maneira nenhuma nos constituem.
As coisas que dependem de nós são por natureza livres, sem impedimento, isentas de obstáculos; e as que de nós não dependem são inconsistentes, servis, susceptíveis de impedimento, estranhas.
Tem em mente, portanto, o seguinte: se avalias livre o que por natureza é servil, e julgas decente para ti o que te é estranho, sentir-te-ás embaraçado, aflito, inquieto - e em breve culparás os Deuses e os homens. Mas se crês teu o que unicamente é teu, e por estranho o que efectivamente estranho te é, então ninguém te poderá constranger, nem tão pouco causar embaraços; não atacarás ninguém, a ninguém acusarás, nada farás contra a tua vontade; prejudicar-te, ninguém te prejudicará; e não terás um só inimigo - e prova disso é sobre ti a ausência de qualquer dano.

Epicteto, in 'Manual'

domingo, 1 de janeiro de 2012

Eu Desejo em 2012...



Que a felicidade não dependa do tempo,
nem da paisagem, nem da sorte, nem do dinheiro.

Que ela possa vir com toda a simplicidade,
de dentro para fora, de cada um para todos.

Que as pessoas saibam falar, calar,
e acima de tudo ouvir.

Que tenham amor ou então sintam falta de não tê-lo.

Que tenham ideal e medo de perdê-lo.

Que amem ao próximo e respeitem sua dor,
para que tenhamos certeza de que viver vale a pena.